Rádio Observador

Furacão

Tempestade Barry obriga população do Louisiana a abandonar as casas

Apesar de as autoridade de Nova Orleães se recusarem a emitir ordens de evacuação, os habitantes estão a sair voluntariamente das suas casas. Trump declarou o estado de emergência em Louisiana.

Para os próximos dias, preveem-se inundações em áreas próximas à costa devido à subida do nível do mar

DAN ANDERSON/EPA

Centenas de pessoas estão a deixar as suas casas no estado de Louisiana depois da ameaça da aproximação da tempestade Barry. Donald Trump declarou, na noite de quinta-feira, o estado de emergência no estado de Louisiana.

Apesar de as autoridade de Nova Orleães se recusarem a emitir ordens de evacuação, segundo o The Guardian, a polícia e as equipas de resgate já tomaram as medidas necessárias para receber a tempestade.

Foi recomendado aos habitantes que se abriguem, armazenem alimentos para vários dias e estacionem os carros em locais altos.

“Toda a costa de Louisiana está em causa nesta tempestade”, alertou Bel Edwards, o governador do estado de Louisiana, que já tinha pedido à administração Trump que desbloqueasse os recursos federais.

O Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos anunciou nesta quinta-feira que uma tempestade tropical que está a formar-se no Golfo do México pode transformar-se num furacão no fim de semana e afetar a costa dos EUA.

Segundo o NHC, às 11h00 desta quinta-feira (14h00 em Lisboa), a tempestade, à qual foi atribuído o nome Barry, estava no Golfo do México, a 150 quilómetros da foz do Mississipi e com ventos a atingir os 65 quilómetros por hora (km/h).

Uma imagem partilhada no Twitter mostra a aproximação da tempestade. Na publicação pode ler-se que “o vento aumentou e uma leve chuva começou a cair”.

Se as previsões dos meteorologistas estiverem corretas, a tempestade tropical Barry pode atingir ventos superiores a 120 km/h, o que significa que atinge a categoria de furacão na sexta-feira à tarde ou no início de sábado.

O ciclone pode chegar à costa do estado de Louisiana no início de sábado, perto da cidade de New Iberia, cerca de 150 quilómetros a oeste de Nova Orleães.

Para os próximos dias, preveem-se inundações em áreas próximas à costa devido à subida do nível do mar, às fortes ondas e às chuvas intensas.

O Centro Nacional de Furacões alertou ainda que se podem formar tornados esta sexta-feira em zonas do sul de Luisiana e Mississippi.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)