O primeiro VW ID.3 foi apanhado a circular em Estugarda, na Alemanha, praticamente sem qualquer disfarce, excepção feita para a grelha frontal. Para azar da VW, ou talvez não, o protótipo ainda em fase de testes passou em frente à casa de um jornalista alemão, no exacto momento em que este saía para a rua, sendo rapidamente vítima da câmara de um telemóvel.

As imagens confirmam umas formas muito próximas do Seat el-Born, com que partilha o chassi e a mecânica, mas torna-se cada vez mais evidente que o sharing vai muito mais longe. A esperança é que na grelha surjam algumas diferenças, com a Seat a aderir a uma solução mais clean, tipo Tesla Model 3 ou Model Y, enquanto da VW se antecipa uma frente mais próxima do protótipo original.

Já por dentro, as semelhanças entre o eléctrico da VW e da Seat são muitas, tanto quanto é possível confirmar pelas imagens recentemente reveladas pelo fabricante germânico. Nelas é fácil encontrar o que parece ser o mesmo ecrã central, o mesmo painel de instrumentos digital e os mesmos comandos laterais.

A Volkswagen abriu em Maio as pré-encomendas para a versão de lançamento do ID.3, a First Edition, com bateria e preço intermédios. Mas o primeiro eléctrico da nova era – sendo o e-Golf e o e-up! os representantes da antiga – será proposto por valores “abaixo dos 30.000€”, mesmo em Portugal, segundo nos garantiu o importador. Este é um competitivo valor muito competitivo, bastando compará-lo com o actualmente praticado pelo Nissan Leaf, veículo do mesmo segmento que é proposto por 35.400€, segundo o site da marca (apesar da autonomia inferior), que tem no ar uma campanha de 3.000€ para torná-lo mais acessível.

O ID.3 vai ser proposto com três capacidades de bateria, a que correspondem outros tantos níveis de autonomia. A bateria mais “pequena” possui 45 kWh, impulsionando o ID.3 durante 330 km entre recargas, segundo o WLTP, sendo este pack o proposto por menos de 30.000€. Depois surge a bateria de 58 kWh, e 420 km, sendo esta solução que está ao serviço da First Edition. Os clientes mais exigentes podem optar pelo acumulador de 77 kWh, que oferece 550 km.