Os dados de milhões de búlgaros estão “provavelmente” comprometidos, avançou a BBC. As autoridades búlgaras já prenderam um jovem de 20 anos, mas não se sabe a extensão dos danos do ataque à autoridade tributária do país que obteve nomes, moradas e detalhes dos rendimentos dos cidadãos.

Segundo a Comissão Nacional de Proteção de Dados búlgara, a autoridade financeira enfrenta uma sanção de até 20 milhões de euros pela falta de segurança.

Vesselin Bontchev, professor assistente na Academica Búlgara de Ciências, afirma que “é seguro dizer que os dados de praticamente toda a população adulta búlgara foram comprometidos”.

Um email enviado aos meios de comunicação do país descreveu a cibersegurança do país como “uma paródia”. As autoridades estão ainda a investigar o caso, mas o ministro das Finanças búlgara, Vladislav Goranov, pediu desculpas no parlamento pela falha de segurança.