Rádio Observador

País

Férias de verão: hobbies ideais para adolescentes

120

Uns gostam de música, outros preferem fotografia ou até acampar com os amigos. Os adolescentes são assim, cada um com a sua personalidade. Felizmente, existe a Worten, com opções para todos os gostos.

Sim: verão é época de praia, piscina e bronze. Mas não só! Há muito que qualquer adolescente pode fazer para passar o tempo e torná-lo mais memorável. Encontrar a atividade certa para entreter os seus filhos durante as férias grandes pode parecer uma tarefa dura para os pais. Contudo, não tem necessariamente de ser um bicho de sete cabeças. Ouvir aquilo que eles têm para lhe dizer e conhecer os seus interesses é meio caminho andado. Bem, isso e…navegar no site da Worten.

Para o festivaleiro

Rock, sons mais alternativos ou a banda pop do momento: porque calor e praia combinam com festivais de verão, por que não oferecer ao seu filho os bilhetes para aquele que ele quer mesmo, mesmo ir? A melhor parte é que para comprá-lo não precisa de perder tempo com deslocações. Basta aceder à bilheteira online  disponível no site. Se os festivais não são bem a onda do seu filho adolescente, não se preocupe, há espetáculos para todos os gostos: desde teatros, a concertos ou exposições.

Para o que troca a cama por uma tenda

Sacos-cama, histórias à volta da fogueira até tarde, ar puro. Para adolescentes amantes da natureza, fazer um acampamento com os seus amigos pode bem ser o plano de verão perfeito. Mas é claro que dificilmente os pais vão ficar 100% descansados (ou não fossem eles pais), especialmente se, por algum motivo, o seu filho não responde às chamadas. Para evitar que isso aconteça e que o jovem aventureiro esteja sempre contactável, uma powerbank deve sempre fazer parte do seu kit de sobrevivência.

Para o papa-séries

As férias não servem apenas para andar de um lado para o outro: parar e relaxar também faz parte! Se o seu filho é fã de séries de televisão, de certeza que, após um dia agitado, vai adorar aproveitar para ver os episódios que lhe faltam. Independentemente da série – seja A Guerra dos Tronos, A Casa de Papel ou Pretty Little Liars -, assistir aos episódios com uma soundbar e subwoofer  vai permitir que o seu filho oiça cada som, do mais agudo ao mais grave, quase como se estivesse mesmo no cenário. Ou, vá, no cinema.

Para o fotógrafo de serviço

Depois de tudo aquilo que o seu filho aprendeu no curso de fotografia, usar o telemóvel para eternizar momentos seria um desperdício! Compre-lhe uma máquina fotográfica que lhe permita colocar em prática todas as competências que ele aprendeu no curso. Acredite que é um bom investimento, especialmente quando estiverem todos juntos em família a rever os bons momentos que passaram nessas férias!

Para o que tem queda para músico

O seu filho sempre quis aprender a tocar um instrumento? Sem os horários preenchidos com aulas e T.P.C. nem a pressão dos testes, as férias de verão são a altura certa para fazê-lo! A primeira coisa a fazer é inscrevê-lo numa escola de música, a segunda é levá-lo ao site da Worten para comprar o material de que precisa, seja uma bateria, uma guitarra ou um teclado.

Para o pro dos videojogos

Quem não conhece um adolescente que adora jogar consola que ponha a mão no ar. Se o seu filho pertence à maioria, com certeza costuma juntar em sua casa um grupo de amigos para uma boa tarde de frente-a-frente de Fortnite ou outros videojogos. Nesse caso, talvez seja boa ideia ter alguns comandos extra para a sua Playstation . Assim, ninguém fica de fora.

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Conteúdo produzido pelo Observador Lab. Para saber mais, clique aqui.
Partilhe
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: obslab@observador.pt
Combustível

O mundo ao contrário /premium

João Pires da Cruz

Se o seu depósito é mais importante do que aquilo que os pais deste bebé sentiram quando lhes disseram que o filho deles morreu instantes depois do nascimento, é porque tem o mundo ao contrário.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)