Rádio Observador

Luís Marques Mendes

“Parece que afinal nada mudou”. Marques Mendes sobre o “sufoco dos incêndios”

691

No seu habitual espaço de comentário na SIC, Luís Marques Mendes nota as "semelhanças com há dois anos" dos incêndios que lavram no centro do país desde sábado.

JOÃO PORFÍRIO/OBSERVADOR

O antigo líder do PSD Luís Marques Mendes lamentou o facto de o “sufoco dos incêndios” estar novamente a acontecer. No seu espaço de comentário semanal na SIC, Marques Mendes deixou “uma palavra de solidariedade às populações, sobretudo àquelas que estão a sofrer muito” com os fogos que lavram em várias zonas do país. Mas o comentador deixou também “uma palavra de compreensão”. E explicou:

“Há muito boa gente que está indignada com o que se está a passar, com a forma com que tudo isto uma vez mais está a acontecer. Parece que tem semelhanças com há dois anos. Parece que afinal nada mudou“, apontou.

Marques Mendes deixou ainda “uma palavra necessária e justa à proteção civil no geral e aos bombeiros em particular”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Serviço Nacional de Saúde

A Saúde e a Constituição

António Alvim

Agora, na altura em que se comemoram os 40 anos do SNS, importa desmitificar outra ideia feita pela esquerda. Que o atual Modelo Público de SNS resulta da Constituição e é imposto por esta.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)