Rádio Observador

Moçambique

Coreia do Sul investe 4 milhões de euros na construção de casas para médicos em Moçambique

Coreia do Sul vai desembolsar quatro milhões de euros para a construção de casas para médicos moçambicanos afetos ao hospital Central de Quelimane, em Maputo, anunciou embaixador da Coreia do Sul.

ANTÓNIO SILVA/LUSA

A Coreia do Sul vai desembolsar cinco milhões de dólares (quatro milhões de euros) para a construção de casas para médicos moçambicanos afetos ao hospital Central de Quelimane, centro de Moçambique, anunciou o embaixador daquele país em Maputo.

“Esta parceria pretende materializar a melhoria dos serviços médicos para a população, bem como criar comodidade em termos de alojamentos para os médicos e enfermeiros que estão a salvar vidas no Hospital Central de Quelimane”, afirmou o embaixador da Coreia do Sul em Moçambique, Yeo Sung Jun.

Para além das casas, o embaixador referiu que se prevê a aquisição de novos equipamentos para aquela unidade hospitalar, a maior da província da Zambézia.

O Hospital Central de Quelimane foi construído através de um financiamento disponibilizado pela Coreia do Sul, no valor de 55 milhões de dólares (49,3 milhões de euros) e entrou em funcionamento em 2016.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)