Esta é uma boa notícia: a população de tigres selvagens na Índia aumentou 30% nos últimos quatro anos. O resultado do censo foi divulgado esta segunda-feira pelo primeiro-ministro indiano, Narendra Modi.

O relatório reporta que na Índia vivem, atualmente, 2.967 tigres selvagens, resultado que supera o alcançado no último censo efetuado à população do felino, feito em 2014 que registava 2.226 tigres.

Na apresentação dos resultados do censo, em Nova Déli, Narendra Modi relembra algo que “não agrada só aos indianos, mas sim a todos os amantes da natureza”.

“Há 9 anos, a Índia desenhou um objetivo: duplicar a população de tigres selvagens que habitam o país até 2022. E a Índia conseguiu atingir este objetivo — não em 2022, mas conseguimo-lo quatro anos mais cedo.”

Há cem anos, cerca de 100 mil felinos desta espécie habitavam a Terra. Atualmente,  apenas existem cerca 3.200 tigres selvagens em todo o planeta, recorda o Le Monde.

Quase 75% da população mundial de tigres selvagens está localizada na Índia, e por isso mesmo o país tem assumido o compromisso de proteger a espécie que, segundo a União Internacional para a Conservação, está em perigo de extinção desde 1986.