O Senado dos Estados Unidos confirmou na quarta-feira a nomeação de Kelly Craft como embaixadora do país junto da ONU, apesar das reticências da oposição democrata.

A nomeação da nova embaixadora, nomeada em fevereiro pelo Presidente norte-americano, Donald Trump, obteve 56 votos a favor e 34 contra.

Craft vai substituir a primeira embaixadora de Trump na ONU, Nikki Haley, que deixou o cargo no final do ano passado.

Até aqui embaixadora dos Estados Unidos no Canadá, onde participou nas negociações para a adoção de um novo acordo de livre comércio norte-americano, a diplomata, de 57 anos, é casada com o milionário Joe Craft, um industrial do carvão.

Kelly Craft apoiou a decisão de Trump de retirar os Estados Unidos do acordo de Paris sobre alterações climáticas. “Não somos obrigados a fazer parte de um acordo para sermos os líderes”, disse.

Os democratas consideraram também que a diplomata “não tinha a experiência, nem as qualificações” necessárias para este cargo.

Trump escolheu Craft dias depois de a ex-jornalista e porta-voz do Departamento de Estado norte-americano Heather Nauert ter anunciado que não seria candidata ao cargo.