Rádio Observador

Governo

Sapadores florestais vão ser reforçados com mais 40 equipas

O Governo quer criar até cinco brigadas de sapadores florestais, envolvendo 15 elementos por brigada, num investimento de 2,6 milhões de euros, e totalizar 500 equipas com 2.500 pessoas envolvidas.

A criação das novas equipas custa 2,6 milhões de euros, financiados pelo Fundo Florestal Permanente, e o concurso aplica-se a todo o país, para reforçar os meios de prevenção e defesa da floresta contra incêndios

NUNO FOX/LUSA

Os sapadores florestais vão ser reforçados com 40 novas equipas em todo o país, estando criadas até final do ano um total de 500 equipas, envolvendo 2.500 pessoas, anunciou nesta segunda-feira o Governo.

Num comunicado, o gabinete do secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural explica que já está aberto o concurso para a criação das 40 equipas de sapadores florestais, 15 das quais poderão integrar novas brigadas.

A criação das novas equipas custa 2,6 milhões de euros, financiados pelo Fundo Florestal Permanente, e o concurso aplica-se a todo o país, para reforçar os meios de prevenção e defesa da floresta contra incêndios.

O Governo diz no documento que quer criar até cinco brigadas de sapadores florestais, cada uma composta por três equipas, envolvendo 15 elementos por brigada.

Segundo o comunicado podem candidatar-se à criação das brigadas as Comunidades Intermunicipais ou as Áreas Metropolitanas.

“As restantes 25 equipas deverão abranger uma área de intervenção mínima igual ou superior a 2.500 hectares de floresta ou, no caso de se tratar de uma superfície de floresta e matos, com um mínimo de 7.500 hectares”, explica o Governo.

As candidaturas, diz, devem ser formalizadas junto do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) até 15 de outubro, sendo que até ao fim deste mês as entidades titulares de equipas de sapadores podem pedir a alteração da área de intervenção de uma equipa.

As candidaturas poderão ser apresentadas por Agrupamentos de Unidades de Baldios, Unidades de Baldios, entidades gestoras de Zonas de Intervenção Florestal (ZIF), associações e cooperativas reconhecidas como Organizações de Produtores Florestais e Juntas de Freguesia e seus agrupamentos ou associações, esclarece também o Governo.

Neste momento estão em atividade 400 equipas de sapadores florestais, 128 destas criadas pelo atual governo.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)