O português Jóni Brandão (Efapel) assumiu esta quinta-feira a liderança da Volta a Portugal em bicicleta, na chegada da sétima etapa à Serra do Larouco, em Montalegre, de onde saiu vencedor Luís Gomes (Rádio Popular-Boavista).

Numa tirada de 156,2 quilómetros iniciada em Bragança e que Luís Gomes cumpriu em 4:25.39 horas, fazendo vingar uma fuga, Jóni Brandão foi o mais forte no grupo dos favoritos, terminando a 3.35 minutos do vencedor, com 11 segundos de avanço sobre João Rodrigues (W52-FC Porto) e 40 em relação ao também portista espanhol Gustavo Veloso, que perdeu a camisola amarela nas rampas de primeira categoria do Larouco (1.503 m).

Jóni Brandão, que nesta volta já teve uma penalização de 10 segundos, passou para a liderança com um segundo de avanço sobre João Rodrigues e 15 para Gustavo Veloso, um dia depois de os dois ‘dragões’ terem sido vítimas de queda na chegada a Bragança.

Na sexta-feira, a oitava etapa vai ligar Viana do Castelo a Felgueiras, na extensão de 158 quilómetros, com um novo final a subir, desta vez alto de Santa Quitéria (3.ª categoria).