O tenista português João Sousa foi esta terça-feira eliminado na primeira ronda do Masters 1.000 de Cincinnati, nos Estados Unidos, frente ao canadiano Denis Shapovalov, em três sets, depois de ter sido repescado.

João Sousa, 43.º do ranking mundial, que entrou no quadro principal face à desistência do italiano Fábio Fognini, até superou Shapovalov no primeiro parcial, com um 6-2 a seu favor, porém, o 34.º da hierarquia, com um 6-3, seguido de um 6-2, ao fim de uma hora e 39 minutos, deixou o vimaranense fora da prova.

O número um nacional vai competir ainda esta terça-feira ao lado do argentino Guido Pela, na vertente de pares.