Rádio Observador

Pornografia Infantil

PJ detém homem em Sintra por suspeita de crimes de pornografia de menores

110

A Polícia Judiciária deteve em Sintra um homem de 53 anos, por suspeitas de ter cometido vários crimes de pornografia de menores, envolvendo vítimas com menos de 16 anos.

A polícia apreendeu material informático utilizado na prática dos crimes, “cujo exame permitirá apurar a extensão da atividade e conexões criminosas da atividade ilícita, que tem lugar, pelo menos, desde o ano de 2011”

JOÃO PORFÍRIO/OBSERVADOR

A Polícia Judiciária deteve em Sintra um homem de 53 anos, por suspeitas de ter cometido vários crimes de pornografia de menores, envolvendo vítimas com menos de 16 anos.

Em comunicado, a PJ adianta que a detenção do suspeito ocorreu na zona de Sintra, no âmbito de uma investigação que começou em janeiro e que teve origem numa “ação de prevenção contra a produção, disseminação e aquisição de conteúdos de abuso sexual de crianças em ambiente digital”.

A polícia apreendeu material informático utilizado na prática dos crimes, “cujo exame permitirá apurar a extensão da atividade e conexões criminosas da atividade ilícita, que tem lugar, pelo menos, desde o ano de 2011”.

O tribunal obrigou o suspeito a apresentações diárias às autoridades policiais como medida de coação.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)