Dezenas de pessoas terão ficado feridas ou sido possivelmente mortas na sequência de uma explosão num local onde se realizam habitualmente casamentos em Cabul, no Afeganistão.

A informação foi confirmada à Associated Press pelo porta-voz do ministério do Interior, Nusrat Rahimi, que reconheceu ter havido uma explosão no espaço conhecido por Dubay City, na zona ocidental da cidade, onde vivem sobretudo membros da minoria xiita Hazara.

Um responsável afegão confirmou à mesma agência que haverá “dezenas de mortos ou feridos” na sequência da explosão, já que o local estaria com centenas de pessoas.

Testemunhas no local confirmaram à BBC ter visto um bombista suicida a detonar explosivos durante a cerimónia. Outra testemunha explica à AP que o bombista se terá feito explodir perto de um palco onde estavam crianças.

Um familiar do noivo garante que estariam no salão cerca de 1.200 convidados, mas ainda não são conhecidos números oficiais de vítimas.

Há precisamente dez dias houve um ataque terrorista levado a cabo pelos talibãs que matou 14 pessoas e feriu outras 15. A explosão deste sábado ainda não foi reivindicada.