Rádio Observador

Partidos e Movimentos

Música, cinema, teatro e debates na festa do Avante! sem plástico descartável às refeições

235

Música em 10 palcos, cinema, teatro, programação infantil e meia centena de debates compõem a 43.ª edição da Festa do Avante!, a rentrée comunista. Talheres e pratos descartáveis foram abolidos.

ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Música em 10 palcos, cinema, teatro, programação infantil e meia centena de debates compõem a 43.ª edição da Festa do Avante!, a rentrée comunista, na qual são abolidos talheres e pratos de plástico descartáveis.

O programa completo da festa do Avante!, foi apresentado esta segunda-feira em conferência de imprensa na Quinta da Atalaia, no Seixal, onde os trabalhos de construção e montagem do espaço já decorrem, uma festa que acontece entre 06 e 08 de setembro, a um mês das eleições legislativas de 06 de outubro.

Alexandre Araújo, membro do Comité Central do PCP, lembrou que a Festa do Avante!, com um programa “amplo e diversificado, começa daqui a 18 dias e a proximidade às eleições legislativas vai estar presente naquela que é a rentrée política dos comunistas no plano da afirmação da CDU e das suas propostas, bem como da “necessidade do país avançar”.

“Procuramos de ano para ano criar as melhores condições para receber todos os que ajudam na festa e aqueles que visitam e usufruem dos três dias. Este ano um cuidado particular às questões do acesso às pessoas com mobilidade reduzida, com medidas que fomos tomando”, destacou.

Segundo o dirigente comunista, foi dada também “uma importância grande às questões da limpeza, da reciclagem”, anunciando a decisão de “abolir a utilização de plástico descartável nomeadamente no serviço de refeições”.

À Lusa, o partido explicou que os plásticos descartáveis desaparecem dos pratos e talheres, com a utilização de outras soluções, enquanto os copos serão de plástico, mas dos reutilizáveis e cujo valor que é pago para o adquirir pode ser recuperado com a devolução do copo.

“Desde a música, com mais de 10 palcos que temos no recinto, o programa vai também ao cinema, teatro, desporto, com mais de 46 modalidades que aqui se praticam ao longo de três dias. Há também um programa dedicado ao público infantil que muito enriquece a festa do Avante!”, sublinhou.

Moonspell, Clã (com Samuel Úria), Blind Zero, Bonga, ThE SPiLL, Delvon Lamarr Organ Trio e Mafalda Veiga (com Ana Bacalhau) são alguns destaques musicais do evento.

O programa cultural da Festa do Avante! inclui ainda artistas como Anarchicks, Cais Sodré Funk Connection, Canções de Roda, Celina da Piedade (com João Gil), César Cardoso Quarteto (com Julian Arguelles), Expensive Soul e Fast Eddie Nelson, Joana Amendoeira e Pedro Moutinho.

Como é tradicional, o palco principal, o chamado palco 25 de Abril, arranca na sexta-feira, o primeiro dia da festa, com música clássica a cargo da Orquestra Sinfonietta de Lisboa.

“Destaque ainda para um programa muito diversificado de cerca de 50 debates que tocam os principais aspetos da intervenção política, nacional e internacional, do PCP”, evidenciou Alexandre Araújo.

Na conferência de imprensa, os artistas presentes tiveram a oportunidade de falar das expectativas para a sua participação no Avante!.

Rita Grácio, responsável pelos concertos para bebés que este ano terão duas sessões, sublinhou que é “bom que os bebés tragam os avós, os pais, os tios e os irmãos mais velhos porque é uma ótima forma de ter acesso à cultura”.

“Para nós é um privilégio porque é uma energia e uma confusão muito pura e muito genuína esta de pessoas que estão genuinamente à procura de música”, disse.

Já Fernando Ribeiro, dos Moonspell, confidenciou que quando a banda se formou, em 1992, os seus membros já eram frequentadores assíduos da Festa do Avante! e sempre tiveram o “desejo por este palco”.

“Este ano alinharam-se todas as estrelas para nós virmos cá, também com o Paulo Bragança. Não exagero se disser que é um sonho que se vai concretizar para os Moonspell”, afirmou.

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Racismo

Portugal não era nem é racista

João Pedro Marques

Será o racismo um problema real, tanto no tempo de Vasco Santana como agora, ou foi a nossa noção de racismo que mudou a tal ponto que tendemos a chamar racismo a coisas que o não eram e o não são? 

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)