O Governo confirmou esta terça-feira à Lusa a morte de um cidadão nacional em Angola vítima de um acidente de viação, adiantando que depois da autópsia serão realizadas as diligências para que o corpo possa ser transportado para Portugal.

“Confirma-se o falecimento do cidadão nacional em Angola. A ocorrência está a ser acompanhada pelo Consulado-Geral em Luanda que está a contactar com um amigo do nacional falecido que está a acompanhar o pai do cidadão”, disse fonte do gabinete do secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, acrescentando que, “após a realização da autópsia, serão realizadas as diligências para a emissão do alvará de trasladação”.

Nesta terça-feira, o Jornal de Notícias escreveu que o português Luís Vicente, gerente da empresa agrícola Angopri, tinha 28 anos e morreu num acidente de viação em Malanje, quando o carro em que seguia com mais outro ocupante se despistou depois de um pneu ter rebentado.