O Sporting Clube de Portugal anunciou na quinta-feira que chegou a acordo com as claques sobre o pagamento de bilhetes para jogos. A partir de agora, os membros das claques Juventude Leonina, Torcida Verde, Directivo XXI e Brigada Ultras Sporting vão passar a pagar as quotas do clube e os bilhetes para os jogos, “contrariamente ao regime anterior, assente na atribuição de convites”.

Em comunicado oficial, o Sporting anuncia que este acordo é válido “se e enquanto (os grupos) se mantiverem legalizados”. Segundo o Record, antes de Frederico Varandas assumir a presidência do clube as claques tinham direito a 875 convites gratuitos, 500 bilhetes pré-pagos e o direito à reserva de dois mil bilhetes com desconto. Com o novo acordo, o Sporting oferece descontos na gamebox, 875 bilhetes pré-pagos, bilhetes extra a preço de sócio comum do clube e apoios às deslocações e coreografias destes adeptos. Mas, ao mesmo tempo, as quatro claques deixam de viajar com a equipa nas deslocações ao estrangeiro. 

Leia aqui o comunicado do Sporting Clube de Portugal na íntegra:

“O Sporting Clube de Portugal informa que outorgou um protocolo de cooperação com os grupos organizados de adeptos (GOA) Juventude Leonina, Torcida Verde, Directivo XXI e Brigada Ultras Sporting que regulará o essencial da relação entre o Sporting CP e os seus GOA, nomeadamente os apoios concedidos, se e enquanto estes se mantiverem legalizados.

O SCP informa que o modelo de cooperação instituído inverte o paradigma de relacionamento anterior, sendo agora exigido aos GOA o pagamento de quotas do Clube e dos bilhetes [para os jogos] para os seus membros, contrariamente ao regime anterior, assente na atribuição de convites.

Os apoios concedidos contemplam a atribuição de descontos na aquisição de Gamebox, bem como outros apoios a conceder casuisticamente, nomeadamente em deslocações e coreografias.

O SCP regista e agradece o empenho e os contributos de todos os GOA na alteração do modelo de cooperação, que permite a adopção de um modelo mais justo para com os Associados do SCP e que, no espírito e cumprimento do protocolo e da Lei – a presente e a futura – permitirá ao Clube continuar a apoiar os GOA para que estes continuem a apoiar o SCP.”