Os golos de Zé Luís e Marega que fizeram a diferença no Clássico da Luz

Zé Luís aproveitou um ressalto em Ferro para inaugurar o marcador na primeira parte, Marega matou o jogo a passe de Otávio nos cinco minutos finais. Os golos que deram a vitória ao FC Porto na Luz.

i

É o quinto golo em cinco jogos para Zé Luís

NurPhoto via Getty Images

É o quinto golo em cinco jogos para Zé Luís

NurPhoto via Getty Images

O primeiro golo do FC Porto no Clássico deste sábado é um golo que merece destaque por várias razões: é o quinto tento em cinco jogos para Zé Luís, é o primeiro golo que o Benfica sofre na época e, claro, é o golo que deu vantagem ao FC Porto neste Clássico.

Os dragões entraram melhor e a vantagem surgiu ao minuto 22. Na sequência de um canto batido por Alex Telles, Ferro fez um mau alivio, cabeceando para a frente. A bola bateu nas costas de Rúben Dias e foi mesmo ao encontro de Zé Luís. Isolado e em frente à baliza, o cabo-verdiano fez um pequeno encosto com o pé esquerdo e a bola passou pelas pernas de Vlachodimos. Estava desfeito o nulo na Luz e Zé Luís já é mesmo melhor marcador da Primeira Liga.

O golo foi bastante festejado e nos minutos que se seguiram os dragões conseguiram controlar mais o jogo. Até ao intervalo, foram poucas as oportunidades do Benfica. O FC Porto conseguiu mesmo chegar mais vezes às redes adversários e teve várias oportunidades para dilatar a vantagem.

Já na segunda parte, e escassos minutos depois de ter desperdiçado uma oportunidade em tudo semelhante, Marega aproveitou um passe longo de Otávio para ficar isolado na cara de Vlachodimos e decidir a partida. A menos de cinco minutos do final do tempo regulamentar, o avançado maliano aumentou a vantagem do FC Porto e provocou desde logo a debandada de centenas de adeptos do Benfica do Estádio da Luz.

Recomendamos

Populares

Últimas

A página está a demorar muito tempo.