Rádio Observador

Liga Espanhola de Futebol

Real Madrid ‘tropeça’ em casa, Celta de Vigo adensa ‘crise’ do Valência

Tanto os 'blancos' como o Valência - que perdeu fora, por 1-0, contra o Celta de Vigo - tiveram uma jornada complicada neste que ainda é o arranque da Liga espanhola.

Foi com já o ex-benfiquista Jovic em campo que Benzema conseguiu marcar

Rodrigo Jimenez/EPA

O Real Madrid cedeu hoje um empate a uma bola na receção ao Valladolid, na segunda jornada da Liga espanhola de futebol, com o Celta de Vigo a vencer em casa o Valência por 1-0.

No Santiago Bernabéu, a grande novidade no ‘onze’ do Real Madrid foi o colombiano ex-FC Porto James Rodríguez, de regresso após empréstimo ao Bayern de Munique, mas até aqui de fora das escolhas do técnico Zinedine Zidane.

O médio ofensivo acabou por ser uma das unidades que mais esteve em jogo durante a primeira parte, que ainda assim teve poucas oportunidades, e acabou por sair para dar lugar ao brasileiro Vinicius.

Só aos 82 minutos, e já com o sérvio ex-Benfica Jovic em campo, os ‘merengues’ conseguiram marcar, com o central francês Varane a assistir o compatriota Benzema, com um remate à meia volta.

Seis minutos depois, uma jogada individual de Óscar Plano deixou a bola nos pés de Guardiola, que rematou por debaixo das pernas de Courtois e impôs o empate aos madrilenos, que não conseguiram juntar-se ao Sevilha no topo da tabela, depois de a equipa de Julen Lopetegui ter vencido na sexta-feira o Granada (1-0).

Em Vigo, o Celta somou os primeiros três pontos da época ao bater o Valência, que continua em crise após os problemas entre o dono, Peter Lim, e o diretor desportivo e o treinador, Marcelino Toral.

Um golo de calcanhar do uruguaio Gabriel Fernández, a passe de Denis Suárez, sentenciou o jogo aos 15 minutos, com a equipa ‘che’, com Gonçalo Guedes totalista, incapaz de reagir, podendo até perder por mais, mas Suárez falhou o penálti aos 90+3.

Depois de bater o campeão FC Barcelona na primeira ronda (1-0), o Athletic de Bilbau empatou em casa do Getafe, sem o lesionado Antunes, com Raúl García a adiantar os bascos aos seis minutos e Mata a igualar aos 12.

No primeiro jogo do dia, Paulo Oliveira foi totalista na defesa do Eibar, numa visita ao terreno do Osasuna que terminou sem golos, no primeiro ponto dos visitantes, enquanto a equipa da casa, recém-promovida, tem quatro e ainda não perdeu.

No domingo, o Atlético de Madrid, de João Félix, pode juntar-se ao Sevilha no topo da tabela, se vencer na visita ao Leganés, algo que também pode fazer o Alavés, que recebe o Espanyol, e o recém-promovido Maiorca, frente à Real Sociedad.

Já o campeão Barcelona recebe o Betis sem Lionel Messi, que continua lesionado e a desfalcar a formação de Ernesto Valverde.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)