Uma mulher ficou em estado grave depois de ter sido baleada na cabeça na sequência do assalto a uma casa, na Lourinhã, onde se encontrava com o tio, noticiou a TVI24. Os suspeitos, de origem portuguesa e brasileira, estão ainda em fuga e podem estar armados.

O assalto aconteceu pelas 8h30 deste domingo, segundo fonte da GNR à TVI. Na casa assaltada estavam a mulher, com cerca de 50 anos, e o tio de 70.

A mulher foi encontrada pela GNR num local ermo com uma bala na cabeça e encaminhada para o Hospital de Santa Maria, onde está a ser operada para fazer a extração da bala. O homem foi encontrado há pouco tempo a cinco ou seis quilómetros do local onde se encontrava a sobrinha.

Os suspeitos terão entrado na casa onde as vítimas estavam, na localidade de Casal da Galharda, na freguesia de São Bartolomeu dos Galegos, tendo levado o dinheiro que lá se encontrava e uma arma, segundo o Notícias ao Minuto. Ainda de acordo com o mesmo jornal, os suspeitos obrigaram depois as vítimas a entrar no carro de uma delas, o primeiro a ser deixado foi o tio, tendo de seguida a mulher de 50 anos sido abandonada junto à igreja de São Bartolomeu dos Galegos.

Os dois suspeitos, que ainda não foram encontrados, fugiram num Peugeot 206 cinzento de três portas.