O sérvio Novak Djokovic, atual número um do mundo, vai integrar a seleção do seu país nas finais da Taça Davis, que vão ser disputadas em Madrid, em novembro, anunciou esta segunda-feira a Federação Sérvia de Ténis (TSS).

“Temos notícias fantásticas, Novak [Djokovic] vai participar no torneio final em Madrid”, disse o capitão da equipa sérvia, Nenad Zimonjic, em declarações ao sítio da TSS na Internet.

A Sérvia, que tal como a Espanha é apontada como uma das candidatas à vitória na Taça Davis, que já venceu em 2010, integra o grupo A do torneio, em que competem 18 seleções, vai defrontar o Japão, em 20 de novembro, e a França, em 21.

“Novak confirmou que se vai juntar à equipa em Madrid. Será um enorme reforço para nós e todos esperamos, com alguma impaciência, participar na competição, que estreia um novo formato”, disse Nenad Zimonjic.

Zimonjic acrescentou que Djokovic, a participar no US Open, vai juntar-se à equipa após as finais das finais ATP, em Londres, em 17 de novembro. As finais da Taça Davis decorrem de 18 a 24 de novembro.