Por mais voltas que a vida dê, chegamos sempre à mesma conclusão: não vale a pena complicar muito. Por vezes, perde-se tempo precioso a pensar em pormenores que não interessam nada e que, passados uns meses, ficam diluídos no ritmo acelerado que todos levamos. Por saber disto, em cada nova coleção a Zippy tem procurado ir ao encontro de quem tem pouco tempo a perder e tudo a ganhar. Aquelas pessoas para quem todos os segundos contam para estar com os filhos.

É que assoberbados com as escolas, os lanches, as rotinas e as atividades, o que mais ajuda é ter ao lado alguém que descomplica em vez de complicar. Que apresenta soluções em vez de problemas. Que resolve em vez de virar costas na hora em que mais precisamos de apoio.

E agora que o regresso às aulas é o tema que domina a cabeça de todos os que têm a difícil tarefa de vestir e calçar os mais novos para a nova etapa que aí vem, a Zippy volta a propor as tendências mais cool – e genuínas – da estação. Espreite abaixo e fique a par do que vai estar mesmo in:

1. Menos é mais

Esqueçam as roupas – e as pessoas – complicadas. A tendência da estação é a simplicidade e a descontração, que combinam bem com todos os momentos do dia e até ajudam a enfrentar as birras mais difíceis.

2. Rir muito, rir sempre

Diz a ciência que faz bem à saúde, rejuvenesce e estimula o cérebro. É também o único acessório que põe toda a gente a brilhar. Rir por tudo e por nada – pelo que se diz e pelo que não se diz -, rir com eles e rir de nós próprios. O riso usa-se em larga escala nesta estação e nunca fica out.

3. Eu ajudo-te. Tu ajudas-me

É uma das principais tendências das próximas estações e talvez nunca deixe de se usar. Porque ajudar o outro não é uma moda, antes um estilo de vida. Eu dou-te a mão hoje, tu dás-me amanhã. Juntos vamos mais longe. Simples assim.

4. Brincar a vida toda

É a brincar que os mais pequenos aprendem a relacionar-se, a explorar o mundo e a arriscar. Sem brincadeira não sabem como crescer. Ou, o que é pior, crescem antes de tempo. A brincadeira está entre as tendências que todas as crianças devem usar – não apenas esta estação, mas sempre.

5. Sujar-se faz parte

Se é para brincar que seja ao ar livre. Rebolar na relva, fazer castelos de areia, subir árvores, andar de baloiço ou apanhar pedrinhas. E se eles aparecerem sujos, tanto melhor – significa que brincaram bem. Vestir-lhes roupas descontraídas, simples e que os ajudem na exploração do mundo é o melhor contributo dos adultos. Isso e deixá-los arriscar.

6. Fazer sons engraçados

Quem nunca fez sons engraçados com a boca com a intenção de pôr uma criança a rir que atire a primeira pedra. E a boa notícia é que esta é uma tendência que veio para ficar. Mesmo que os influenciadores digam que está out, não liguem. Para os miúdos nunca estará. Para os pais também não. Ufa!

7. Olh’ó avião

Mais do que uma tendência, devia ser um direito de todas as crianças: que a sopa lhes seja dada com uma colher-avião. Isso ao mesmo tempo que se faz o barulho do motor, claro. Seguem-se depois todas as variantes que a imaginação permitir: o comboio, a mota e até o helicóptero.

8. Chamar o nome completo

Já esteve na moda há uns anos e agora parece estar a voltar em força: chamá-los pelo nome completo para perceberem que estamos fulos com eles. Mesmo que não saibam que fizeram asneira, se ouvirem o nome vão perceber de imediato. E quando crescerem vão recordá-lo a sorrir. E fazer o mesmo às suas crianças.

9. A magia existe, claro

Façam o espetáculo acontecer todos os natais, mesmo que eles já estejam desconfiados que isso do Pai Natal é treta. E sempre que um dente lhes cair, ativem a fada que trata do assunto. Porque a magia é um dos ingredientes secretos de uma infância feliz.

11. Dançar e cantar

Mesmo que desafine e tenha pé de chumbo, vá lá. Ninguém vê. Ou melhor, eles veem. E ainda bem. Dançar e cantar com as crianças é uma das tendências da estação. Eles adoram e a verdade é que nós também.