Os termómetros continuam a subir em Portugal e atingem nesta sexta-feira os 37º Celsius nos distritos de Évora e Castelo Branco. Na região central do país, as temperaturas mantêm-se altas, com 36 graus em Beja, e 34º em Lisboa, Setúbal e Santarém. Em Faro, os termómetros marcam os 32 graus. No norte do país, Bragança e Vila Real (com 34º) e Viseu (com 32º), vão na contra-corrente das temperaturas do Porto e Viana do Castelo, que registam 21º Celsius como máxima, de acordo com dados do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

A previsão aponta também para vento fraco, soprando fraco a moderado do quadrante leste no Algarve até final da manhã e de noroeste no litoral oeste a sul do Cabo Carvoeiro e nas terras altas durante a tarde. O IPMA prevê ainda neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais do litoral a norte do Cabo Raso e pequena subida da temperatura máxima, em especial no litoral oeste.

Durante a tarde, está previsto um aumento de nebulosidade no interior, com possibilidade de ocorrência de aguaceiros e trovoada. As temperaturas mínimas no continente vão oscilar entre os 13 graus Celsius, em Braga, e os 22º, em Faro.

Dezassete concelhos dos distritos de Faro, Portalegre, Castelo Branco, Santarém e Guarda apresentam esta sexta-feira um risco máximo de incêndio, segundo o IPMA. Em risco máximo estão os concelhos Monchique, Silves, Loulé, São Brás de Alportel, Tavira, Alcoutim e Castro Marim (Faro), Proença-a-Nova (Castelo Branco), Gavião (Portalegre), Abrantes, Mação e Sardoal (Santarém), Sabugal, Guarda, Celorico da Beira, Pinhel e Figueira de Castelo Rodrigo (Guarda).

O IPMA colocou também vários concelhos de todos os distritos de Portugal continental, com exceção de Viana do Castelo, em risco muito elevado e elevado de incêndio.

O IPMA prevê para esta sexta-feira no continente céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se muito nublado no litoral a norte do Cabo Raso até final da manhã, nebulosidade que irá persistir em alguns locais da faixa costeira.