A campanha do PS em Leiria para as eleições legislativas vai ser sustentável, amiga do ambiente e mais personalizada, disse à agência Lusa o cabeça-de-lista, Raul Castro.

“Vai ser uma campanha sustentável. Este é um exemplo que queremos dar para contribuir para a redução de emissões de C02 e mostrar que somos amigos do ambiente”, afirmou Raul Castro.

O candidato explicou que a campanha socialista no distrito de Leiria só terá um ‘outdoor’ em cada concelho e que toda a propaganda escrita será reduzida ao mínimo.

“Com as redes sociais, a informação é rapidamente veiculada. Os papéis que habitualmente são distribuídos acabam por ir parar ao lixo. Teremos, por isso, um cartaz, o jornal de campanha e iremos privilegiar a relação com as pessoas“, sintetizou.

Raul Castro, que deixou a presidência da Câmara de Leiria há cerca de duas semanas, acrescentou que fará uma campanha assente num “modelo autárquico”.

“Vamos ao encontro das pessoas: falar com elas, ouvi-las, ter um contacto mais pessoal e, assim, ser uma campanha mais amiga do ambiente”, sublinhou.

O cabeça-de-lista do PS afirmou que vai ao encontro do desejo do Presidente da República, que “defendeu ainda há poucos dias, que é fundamental racionalizar os meios”, garantindo uma campanha “acima de tudo informativa e construtiva, em vez de ser apenas baseada na forma e na imagem”.

Em nota de imprensa, o PS informa que a campanha sustentável terá uma “redução da despesa em suportes de propaganda”.

“A estratégia passará por fazer uma campanha sóbria, com enfoque no debate construtivo e nos contactos pessoais com as populações dos vários municípios que compõem o distrito, estando apenas previstos dois suportes informativos”, refere a mesma nota.