O renovado VW Passat está disponível entre nós com pequenas alterações exteriores, face ao modelo que conhecíamos até aqui, mais equipamento, especialmente no capítulo das ajudas ao condutor e de entretenimento, mas sobretudo uma versão híbrida plug-in (PHEV) mais completa e apetecível.

O novo GTE, com a marca alemã a manter a denominação da sua versão PHEV, continua a recorrer ao motor 1.4 TSI com 156 cv, completando-o com uma unidade eléctrica com 85 kW, ou seja, 115 cv. No cômputo geral, o GTE conta com 218 cv, valor que associado a uma caixa automática de dupla embraiagem e seis velocidades garante uma vivacidade atraente.

4 fotos

Mas o verdadeiro trunfo do novo Passat GTE é a sua maior bateria, que viu a sua capacidade crescer de 9,9 para 13,0 kWh, o que segundo o método NEDC lhe permitiria passar de 50 para 70 km de autonomia. Como agora se usa o WLTP, mais rígido e realista, a autonomia anunciada é de 55 km, o que equivale a um consumo de 1,4 l/100 km e 36 g de CO2/km.

O novo GTE, que está disponível entre nós a partir de Setembro, anuncia 222 km/h de velocidade máxima e 7,4 segundos de 0-100 km/h. Os preços começam nos 45.200€ para a versão limousine e 48.500€ para a carrinha Variant, o que coloca o Passat PHEV cerca de 5.000€ abaixo dos valores praticados até aqui.