Pelo menos sete pessoas morreram e duas ficaram feridas na sequência da queda de uma aeronave, este domingo, na cidade de Popayán, na Colômbia. Entre as vítimas há uma criança de 10 anos.

Segundo a Lusa, o avião da companhia aérea regional Transpacific tinha acabado de descolar do aeroporto da cidade de Popayán. Com capacidade para sete passageiros, fazia a rota entre Popayán e a cidade costeira de López de Micay. O aparelho caiu em cima de várias casas no bairro de Junín, localizado próximo da pista do aeroporto.

“Lamentamos muito o acidente ocorrido com uma avioneta. O relatório não é animador, sete pessoas foram encontradas mortas, duas estão no hospital de San José”, afirmou o autarca local, Cesar Gómez Castro. O responsável adiantou que as equipas no terreno e as forças militares isolaram o local do acidente para procederem aos trabalhos de resgate das vítimas.

A Aeronáutica Civil explicou em comunicado que o acidente ocorreu minutos depois do aparelho, um bimotor Piper PA-31-350, ter descolado do aeroporto Guillermo León Valência, em Popayán. A fonte acrescentou que, até ao momento, as causas do acidente são desconhecidas e os investigadores estão no local para “esclarecer as possíveis causas” da queda da aeronave.

O El Pais dá conta de uma lista de tripulantes (dois) e de passageiros, mas neste caso aparecem oito nomes — um a mais do que as vítimas anunciadas pelas autoridades que se encontram no local.