Onze filmes de realizadores europeus e selecionados entre os melhores produzidos desde a década de 1920 vão ser exibidos numa Maratona de Cinema Europeu, a partir de sábado e até 1 de outubro, na vila de Odemira.

A maratona, que vai decorrer no Cineteatro Camacho Costa, é promovida pela Câmara de Odemira, distrito de Beja, no âmbito da iniciativa “Setembro Cultural” e das Jornadas Europeias do Património deste ano, dedicadas ao tema “Artes, património e lazer”.

Segundo o município, durante a maratona, vão ser exibidos “onze filmes de realizadores europeus, numa seleção entre o melhor cinema produzido desde a década de 1920” e até este ano.

A maratona vai começar no sábado, às 15h, com a exibição do filme “O Cão Andaluz” (1929), dirigido e escrito em parceria pelo realizador espanhol Luís Buñuel e pelo pintor espanhol Salvador Dali.

Seguem-se, também no sábado, as exibições dos filmes “Os 39 degraus” (1935), do britânico Alfred Hitchcock, às 15h30, “Roma, cidade aberta” (1945), do italiano Roberto Rosselini, às 17h15, e “Hiroshima, meu amor” (1959), do francês Alain Resnais, às 21h30.

No domingo serão exibidos os filmes “O Acossado” (1961), do franco-suíço Jean-Luc Godard, às 15h, “Amarcord” (1973), do italiano Federico Fellini, às 16h40, “As asas do desejo” (1987), do alemão Wim Wenders, às 19h, e “Tudo sobre a minha mãe” (1999), do espanhol Pedro Almodôvar, às 21h30.

Os filmes “O Pianista” (2003), do polaco Roman Polanski, e “Na via láctea” (2016), do sérvio Emir Kusturica, serão exibidos na segunda-feira às 18h00 e às 21h30, respetivamente.

A maratona terminará a 1 de outubro, Dia Internacional da Música, com a exibição, marcada para as 21h30, do recente filme “Variações” (2019), do realizador português João Maia e dedicado a António Variações, “artista icónico da música portuguesa e cuja carreira fulgurante foi interrompida pela sua morte em 1984”.

Com a maratona termina a edição deste ano da iniciativa “Setembro Cultural”, que a Câmara de Odemira promoveu este mês com várias ofertas para promover a cultura e patrimónios do concelho e proporcionar à população diferentes manifestações culturais.