O desfile da Chanel decorria na maior das normalidades, na manhã desta terça-feira, no Grand Palais, em Paris. Na reta final, surge uma estranha ao serviço entre as manequins em parada. Marie Benoliele foi rapidamente identificada, sobretudo por não ser uma invasora qualquer. Mais conhecida como Marie S’Infiltre, uma comediante com canal no YouTube e 194 mil seguidores no Instagram, furou por entre o line-up e percorreu a passerelle vestida a rigor, ou seja, com um tailleur em pied-de-poule preto e branco que, se não era Chanel, pelo menos, dava ares.

Maria correu da plateia para a passerelle. Na sua marcha da fama, acabou por esbarrar em Gigi Hadid. Não foram necessários seguranças, a modelo de 24 deu conta do recado, encaminhando a penetra para a saída, como se de uma visita de casa se tratasse. Sem qualquer vestígios de intimidação, a comediante saiu, mas sem deixar de encarar a assistência, numa atitude descontraída.

Marie Benoliele terá, assim, garantido os seus cinco minutos de fama. Atualmente, a comediante de 28 anos apresenta-se como one woman show no teatro Comédie des Champs Elysées. Esta não foi a primeira que invadiu um desfile de moda. Na semana passada, já tinha subido para a passerelle do desfile da Etam.

Um porta-voz da Chanel já veio falar sobre o assunto. “Não vamos fazer disto um drama”, indicou. Por sua vez, Benoliele também prestou declarações. “A Chanel é eterna. O meu tributo foi um desejo de fazer parte desta eternidade durante alguns minutos”, afirmou ao The Guardian.