O clarinetista Telmo Costa é o Jovem Músico do Ano do Prémio Jovens Músicos, organizado pela RTP/Antena 2, anunciou este canal da rádio pública.

“Como Jovem Músico do Ano, Telmo Costa é também credor do Prémio Maestro Silva Pereira e do Prémio do Círculo Richard Wagner, aos quais juntou ainda o Prémio da União Europeia para Concursos Musicais para Jovens”, lê-se na conta oficial do Facebook, da Antena 2, canal especializado em música clássica da rádio pública.

Posted by Antena 2 on Thursday, 3 October 2019

Telmo Costa era um dos seis vencedores, por categoria, da 33.ª edição do Prémio Jovens Músicos, que se apresentaram na quinta-feira à noite para a última prova da competição, realizada no concerto de abertura do Festival Jovens Músicos, a decorrer na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e que encerra no sábado.

Ana Clara Sousa, em flauta, Cristiano Rios, em percussão, Rafael Kyrychenko, em piano, Joaquim Miguel Rocha, em trombone baixo, e Maria Reis Sá, em violino, eram os outros finalistas, candidatos ao título de Jovem Músico do Ano/Prémio Maestro Silva Pereira, galardão máximo do concurso.

O laureado será o protagonista do concerto de gala, no fecho da edição deste ano do festival, a realizar no sábado, no Grande Auditório Gulbenkian, em que também será estreada a obra do compositor Francisco Fontes “Manifesto”, vencedora do Concurso de Composição Antena 2/Sociedade Portuguesa de Autores.

Os concertos de abertura e fecho do festival contam com a Orquestra Gulbenkian e a direção do ex-laureado do Prémio José Eduardo Gomes.

No último dia, atuam ainda o Ensemble de Jazz da Jobra, distinguido este ano na festa do jazz do Teatro S. Luiz, em Lisboa, o Tomás Marques Quarteto, vencedor da categoria Jazz Combo, e o Pedro Moreira Sax Ensemble, que inclui anteriores laureados.

Serão também apresentados álbuns de ex-distinguidos no PMJ: o álbum do Artium Trio, do violinista Francisco Lima Santos, do violoncelista Pedro Gomes Silva e do pianista João Barata, e o disco “O que será do rio”, do compositor Nuno da Rocha, vencedor do Prémio de Composição Antena 2/SPA 2012, com a peça “O que será do rio without John Cage?” composta para Orquestra Barroca.

O Prémio Jovens Músicos, organizado pela Antena 2 desde 1987, tem direção musical do compositor Luís Tinoco e soma mais de 80 músicos distinguidos.

Entre estes encontram-se o regente Nuno Coelho, atual maestro convidado da Orquestra Gulbenkian, assistente de Gustavo Dudamel na Filarmónica de Los Angeles e vencedor do Prémio Cadaqués 2017, e o tenor Fernando Guimarães, que foi candidato aos Grammy de 2015, como protagonista de “Il ritorno d’Ulisse in Patria”, de Monteverdi, com a orquestra Boston Baroque.

A pianista Joana Gama, o saxofonista Ricardo Toscano, o compositor, maestro e percussionista Pedro Carneiro, Pedro Ribeiro, 1.º oboé da Orquestra Gulbenkian, o violoncelista Bruno Borralhinho, da Orquestra de Dresden, foram outros laureados do concurso que teve como primeiro vencedor o violetista e compositor Alexandre Delgado.

Este ano, concorreram 278 músicos em oito categorias. As provas de seleção realizaram-se em junho, em Castelo Branco, e, as finais, em julho, na Casa da Música, no Porto.

Todos os concertos do festival são transmitidos pela Antena 2.