Uma mulher de 73 foi detida pela Polícia Judiciária de Lisboa depois de ter tentado matar o marido com um machado, enquanto ele dormia. Após o crime, a agressora mudou de roupa e foi chamar uma vizinha, alegando que o marido tinha sido agredido por assaltantes.

Segundo o comunicado da PJ, o crime aconteceu na madrugada de terça-feira e a vítima tem 74 anos.

“A investigação apurou que a presumível autora, enquanto a vítima dormia, a atingiu, na cabeça, com dois golpes de um machado que se encontrava na residência comum. Após, trocou de vestuário e contactou uma vizinha, fazendo crer que a agressão tinha sido efetuada por supostos assaltantes que teriam entrado na habitação”, descreve a PJ.

A vítima foi conduzida para uma unidade hospitalar, não correndo, porém, perigo de vida. A detida vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação de uma medida de coação enquanto decorre o processo.