As rendas a estudantes em Coimbra aumentaram 9% comparativamente a 2018, mas mantiveram-se mais baixas do que as das cidades de Lisboa e do Porto, divulgou esta quarta-feira a plataforma online Uniplaces.

De acordo com a plataforma online para alojamento de médio a longo prazo, 207 euros “é quanto paga, em média, um estudante para arrendar um quarto privado em casa partilhada em Coimbra”, tendo a renda aumentado “cerca de 17 euros em comparação com o último ano”.

“Arrendar quarto em Coimbra custa, no entanto, em média, menos 193 euros do que em Lisboa e menos 92 euros do que no Porto”, acrescenta.

Ou seja, segundo a Uniplaces, “o aumento percentual é superior ao das cidades de Lisboa e Porto, mas os valores absolutos mantêm-se mais baixos”.

As zonas de Coimbra que apresentam a renda média mensal mais baixa para os estudantes são os Olivais, com 170 euros, e a Conchada, com 182 euros. As zonas de Cidral (269 euros) e de Montes Claros (247 euros) são aquelas onde os estudantes encontram as rendas médias mensais mais elevadas.

“A cidade de Coimbra conta com mais de 35.000 estudantes matriculados no ensino superior, pelo que a aposta no alojamento é fundamental para que os alunos consigam aceder a opções de quarto com as características necessárias para uma experiência de mobilidade confortável e segura”, considera Carolina Almeida, da Uniplaces.

A Uniplaces é uma plataforma online de alojamento, onde estudantes, jovens profissionais e residentes estrangeiros, de qualquer parte do mundo, podem encontrar e reservar um apartamento ou um quarto.