Um terramoto de magnitude 6,4 na escala de Richter atingiu esta quarta-feira o sul das Filipinas, na ilha de Mindanao, segundo o Serviço Geológico dos EUA (USGS, na sigla em inglês). O sismo ocorreu a cerca de 7,7 quilómetros de Columbio, na província de Sultan Kudarat, e a uma profundidade de 14 quilómetros, anunciou o USGS.

Até ao momento, não há registo de vítimas mortais ou de danos causados pelo tremor, ainda que terramotos que ocorrem mais próximo da superfície terrestre tendam a causar mais danos. Um homem idoso ficou ferido pela queda de um objeto e centenas de pessoas foram retiradas de um centro comercial, de acordo com a televisão filipina ABS-CBN.

O diretor do Instituto Filipino de Vulcanologia e Sismologia (PHIVOLCS, na sigla em inglês), Renato Solidum, descartou o risco de um tsunami, já que o sismo ocorreu no interior.

A região das Filipinas localiza-se no chamado Anel de Fogo do Pacífico, um arco de intensa atividade sísmica, com vulcões ativos e placas tectónicas, que se estende do Japão ao sudeste da Ásia. Um terramoto de magnitude 7,7 matou quase 2.000 pessoas no norte das Filipinas em 1990.

(em atualização)