Uma explosão numa mesquita no distrito de Haskamena, na província afegã de Nagarhar, provocou, pelo menos, 62 mortos esta sexta-feira, avança a Associated Press, citando fontes oficiais. A última atualização do número de vítimas, onde se incluem crianças, dava conta de 20 vítimas mortais.

O ataque na zona leste do Afeganistão aconteceu quando dezenas de pessoas se encontravam no interior da mesquita para as orações de sexta-feira. A explosão fez desabar o teto. Segundo Attahullah Khogyani, porta-voz do governador da província, 36 pessoas ficaram feridas.

O incidente acontece um dia depois de as Nações Unidas terem alertado para o aumento da violência no país, que atingiu níveis “inaceitáveis”.