A conhecida apresentadora de televisão norte-americana Martha Stewart está em Lisboa e não se cansa de o mostrar na sua conta pessoal de Instagram. Entre castanhas assadas e (muitas) fotos da calçada portuguesa, a empresária e guru norte-americana das lides domésticas rendeu-se à cidade (e à gastronomia) para onde Madonna outrora se mudou e tem-no mostrado nas redes sociais.

A publicação mais recente é da tarde desta quinta-feira: uma imagem de um assador de castanhas de rua, com a legenda apropriada — “Castanhas assadas nas ruas de Lisboa, que delicioso”. Antes disso, a empresária que em 2001 chegou a ser eleita a mulher mais poderosa dos EUA, tinha publicado seis fotografias de vários tipos diferentes de calçada portuguesa. A legenda era explicativa: “Há uma tradição de calçada em Portugal
onde vários pedreiros se sentam em fila e batem quadrados de pedra, criando praças, calçadas e corredores. Existem infinitos padrões e tamanhos de pedras”.

Outras fotografias mostram Marta Stewart a experimentar vários conceituados restaurantes da capital portuguesa, desde o Belcanto de José Avillez ao Feitoria do chef João Rodrigues. O primeiro foi o escolhido para a apresentadora norte-americana jantar na primeira noite, e o segundo foi reservado para o seu segundo jantar em Lisboa. “Jantar na segunda noite em Lisboa no Restaurante Feitoria, junto ao rio Tejo. Um menu de degustação acompanhado de vinhos de excelente qualidade, pelo chef João Rodrigues”, escreveu.

Marta Stewart, 78 anos, foi uma referência no mundo do lifestyle e das lides domésticas, com direito a programas de televisão em nome próprio, mas em 2005 a sua aura foi abalada quando cumpriu uma pena de prisão de cinco meses por obstrução à justiça num caso de fraude financeira. Já em liberdade, a sua imagem manteve-se aparentemente intacta, mas o mesmo não aconteceu com o império que construiu e que, por essa altura começou a cair. Em 2015, Martha Stewart vendeu a sua empresa, a Marta Stewart Living Omnimedia por uma pequena fração do que um dia valeu.