A portuguesa Jieni Shao qualificou-se este sábado para as meias-finais de singulares e final de pares – ao lado de Luo Xue – do Open da Indonésia de ténis de mesa, prova do circuito mundial, que decorre em Batam.

Shao começou por afastar nos oitavos de final a japonesa Moe Nomura, por equilibrado 4-3, com os parciais de 11-7, 10-12, 9-11, 6-11, 11-8, 11-9 e 13-11), impondo-se nos ‘quartos’ com mais facilidade, sobre a indiana Archana Girish Kamath, por 4-1 (5-11, 11-7, 11-7, 11-5 e 11-8).

A atleta portuguesa vai defrontar a japonesa Maki Shiomi mais meias-finais do quadro de singulares femininos, no domingo, antes de disputar a final de pares, ao lado de Xue, frente às tailandesas Orawan Paranang e Suthasini Sawettabut.

Shao e Xue, que está a representar Portugal pela primeira vez, venceram hoje por 3-0 (11-9, 11-9 e 11-5) Fong-En Cai e Yi-Chen Hsu, de Taipé, nos quartos de final, mas encontraram mais oposição nas ‘meias’ perante as japonesas Kaho Akae e Miyu Maeda.

A dupla portuguesa esteve a perder por 2-0, pelos parciais de 10-12 e 9-11, mas deu a volta ao resultado, triunfando por 3-2, ao vencer os três últimos ‘sets’, por 13-11, 12-10 e 11-9.

No quadro de singulares masculinos, João Monteiro começou por eliminar o japonês Masaki Takami nos oitavos de final, por categórico 4-0 (11-3, 11-7, 11-9 e 11-8), mas perdeu nos ‘quartos’ frente ao indiano Amalraj Anthony, pela mesma margem (7-11, 14-16, 2-11 e 7-11).