O espaço aéreo junto à Casa Branca foi violado por uma aeronave levando ao fecho do Capitólio e da Casa Branca, por questões de segurança, avança a NBC News. O bloqueio terá sido levantado cerca de 30 minutos depois de começar a ser divulgado pelos jornalistas no local. “A equipa da Casa Branca diz que o bloqueio foi suspenso, indicando que não há ameaça hostil no momento”, escreveu um jornalista da NBC News no Twitter.

Os controladores aéreos perderam contacto com a pequena aeronave que violou o espaço aéreo em Washington DC, disse uma fonte da Polícia do Capitólio, citada pelo Daily Mail, que não sabia de tipo de aeronave se tratava.

O alerta obrigou a que fossem enviados aviões de combate para o local. O Capitólio foi fechado, os jornalistas que se encontravam na sala de imprensa receberam ordens para ficar no interior e a porta foi fechada por fora. No exterior, os operários que colocavam uma vedação tiveram de abandonar o local.

“Disseram: ‘Toda a gente fora daqui.’ Assim”, disse um dos trabalhadores ao Daily Mail.

As áreas em torno dos edifícios foram também interditas a peões até que se esclareça o que esteve na origem da violação do espaço aéreo.

Atualizado às 15 horas