Não sabemos quem venceu o New England Forest Rally disputado em Julho de 2018 no Maine, o estado mais a norte da costa atlântica dos EUA. Sabemos, sim, que houve uma perda que se julgava total durante a competição: o Ford Escort Cosworth com que Ken Block se apresentou à partida. Após uma saída de estrada, o veículo ficou em tão mau estado que todos previram uma viagem só de ida para a sucata, sobretudo porque depois de inúmeros impactos, um incêndio acabou com o resto.

Mas o acrobático piloto, mais versado na arte do drift do que nos ralis, sejam eles em terra ou em asfalto, decidiu tudo fazer para recuperar o antigo carro, hoje um clássico da competição em provas de estrada. Para o refazer quase por completo, recorreu à MDV, especialista nestas andanças do Reino Unido. Partindo de um novo chassi e beneficiando do facto de em Inglaterra ser fácil encontrar material para montar um destes veículos a partir do zero, Block teve de esperar mais de um ano, mas finalmente o Escort Cosworth estava em condições de andar e de lado, ou não estivesse Ken Block ao volante.

A estreia do novo carro de competição teve lugar no Rallye Du Valais, em finais de Outubro, com a MDV a homenagear o Escort Cosworth anterior ao moer parte de uma das antigas jantes em liga leve e um pedaço de um pára-choques que não ardeu, tendo-os incorporado na decoração do novo Cosworth.

A prova decorreu sem toques ou acidentes, o que não significa que não houvesse alguns sustos. Destaque para uma quase saída (aos 2.57 do vídeo) que teve o condão de fazer sobressair o lado mais religioso de Block, que não evitou soltar um “oh meu deus”. A parte mais espectacular das imagens recolhidas começa aos 6.45, na descida larga e rápida, com piso húmido, até final do troço.