A ativista Greta Thunberg voltou, esta quinta-feira, a mudar a descrição da sua conta no Twitter. Após a reação do Presidente norte-americano à sua nomeação para Personalidade do Ano pela revista Time, Greta voltou a adotar o mesmo estilo de resposta que deu a Bolsonaro.

Como “biografia”, a ativista optou, mais uma vez, por utilizar os insultos para se descrever: “Uma adolescente a trabalhar no seu problema de controlo da raiva. Atualmente a relaxar e a assistir a um bom filme antiquado com um amigo”, pode ler-se.

Conta de Twitter de Greta Thunberg

Donald Trump sugeriu esta quinta-feira que a jovem sueca aprendesse a controlar a sua raiva e aconselhou-a a ir ver um filme antigo, qualificando como ridícula escolha da ativista para Personalidade do Ano.