A NOS vai lançar um fundo de investimento de dez milhões de euros para estimular a investigação e desenvolvimento na utilização do 5G. Segundo um comunicado da operadora de telecomunicações, o “Fundo NOS 5G” deve ter início ainda este ano e vai permitir investir na “comunidade de empreendedores em Portugal e em projetos tecnológicos nas primeiras fases de desenvolvimento”.

A NOS acrescenta que o montante inicial disponível pretende desenvolver a indústria e serviços, ao investir em soluções baseadas ou potenciadas pelo 5G, “cobrindo áreas tão variadas como a realidade virtual, smart cities, condução autónoma, Internet of Things e Big Data”. O período de investimento estimado é de cinco anos.

A NOS tem muito orgulho em ser a primeira empresa em Portugal a criar um fundo exclusivamente destinado a fomentar projetos de investigação e desenvolvimento em torno da tecnologia emergente de quinta geração”, referiu Miguel Almeida, presidente da NOS, citado em comunicado.

Este fundo, que será gerido por uma gestora de fundos independente, vai servir para consolidar “a aposta de liderança no 5G” da NOS e reforçar “o seu compromisso quer com o desenvolvimento de um país tecnologicamente mais avançado e inovador, quer com os empreendedores portugueses”. A empresa assinala, assim, a sua entrada num fundo de capital de risco.

As empresas, acrescenta Miguel Almeida, vão ser desafiadas “a criarem novas ideias e novos projetos que explorem todo o potencial que o 5G encerra”. “Ao longo dos anos temos procurado fomentar, quer internamente, quer agregando parceiros, o desenvolvimento de inovação. Temos, contudo, a ambição maior de fazer Portugal crescer, criar emprego qualificado e estimular o empreendedorismo nacional”, acrescentou o responsável da NOS.

Em outubro, recorde-se, a NOS cobriu totalmente Matosinhos com 5G, em parceria com a tecnológica chinesa Huawei, tornando-a na primeira cidade de quinta geração móvel em Portugal.

Ainda antes, em agosto, a operadora de telecomunicações lançou também um smartphone preparado para a futura geração móvel: o Huawei Mate 20 X 5G, um dos primeiros telemóveis do mundo que permitem o acesso à rede 5G.