Sete corpos foram encontrados este domingo na parte de trás de uma carrinha de caixa aberta que foi abandonada em frente à corporação de bombeiros de Angra dos Reis, um dos municípios turísticos do Rio de Janeiro, no Brasil.

De acordo com a Polícia Militar, os corpos — todos do sexo masculino — parecem ser de pessoas associadas às fações criminais do narcotráfico.

Os corpos foram deixados frente à sede do corpo de bombeiros após o Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militarizada (Bope) ter realizado uma operação numa favela onde na véspera se registaram confrontos entre grupos criminais inimigos.

A ação teve lugar no bairro Frade e, segundo o Bope, quando chegaram ao sítio dos confrontos, os agentes foram recebidos a tiro.

Apesar de a polícia não ter referido se resultaram mortos desses confrontos, mencionou que no final da operação foram apreendidos quatro espingardas, três pistolas, duas granadas e uma rádio de comunicações.

Até ao momento desconhece-se quem deixou o camião com os corpos frente à corporação dos bombeiros.