Flamengo e Liverpool disputam este sábado, em Doha, a final do Mundial de clubes de futebol, com Jorge Jesus a poder tornar-se no primeiro treinador português a conquistar a prova, em caso de triunfo do clube brasileiro.

O Flamengo vai tentar repetir a vitória de 1981, quando a competição ainda era denominada de Taça Intercontinental, precisamente frente ao Liverpool (3-0), enquanto os reds ainda procuram o primeiro cetro mundial, que já lhes escapou por três vezes.

O conjunto inglês também perdeu em 1984, para os argentinos do Independiente, e em 2005, para os brasileiros do São Paulo, ambos pelo mesmo resultado (1-0).

Para chegar à final, o Flamengo, vencedor da Taça Libertadores, derrotou nas meias-finais os sauditas do Al-Hilal, por 3-1, enquanto o Liverpool, detentor da Liga dos Campeões, afastou os mexicanos do Monterrey, por 2-1. Jesus já se tornou no primeiro treinador português a chegar à final no historial de Mundial de clubes e Taça Intercontinental, podendo acabar o ano com mais um título, depois da Taça Libertadores e do Brasileirão.

A final está agendada para as 17h30 (20h30, horas locais), no Estádio Internacional Khalifa, em Doha, no Qatar. Antes, no mesmo palco, às 14h30 (17h30), Al-Hilal e Monterrey disputam o jogo de atribuição do terceiro e quarto lugares.