A partir desta segunda-feira, os utilizadores da Bolt (antiga Taxify), em Lisboa, vão poder fazer viagens mais amigas do ambiente. A plataforma de mobilidade europeia anunciou o lançamento da nova categoria “Green”, que permite aos clientes viajar em carros 100% elétricos “e usufruir de uma experiência mais acessível e ecológica”, referiu a Bolt em comunicado.

Esta nova categoria está, para já, apenas disponível na capital portuguesa, e tem uma tarifa inicial de 2,5 euros. Por minuto, serão cobrados nove cêntimos e 59 cêntimos por quilómetro. Antes de iniciarem a viagem, os utilizadores devem selecionar a opção “Bolt Green”, disponível na app.

“A criação de um serviço sustentável sempre foi uma das nossas principais preocupações e são também cada vez mais os utilizadores que procuram uma oferta mais ecológica”, refere David Ferreira da Silva, responsável pela Bolt em Portugal, citado em comunicado. Segundo o responsável da plataforma, o lançamento desta nova categoria está “em linha” com o Plano Verde da empresa e com “o objetivo de compensação das emissões de carbono em todas as viagens realizadas na Europa”.

Com esta nova opção, a Bolt tem agora quatro categorias diferentes: a básica, a XL (com carros de seis lugares), a categoria de acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida e a categoria Green.

Fundada em 2013 por Markus Villig, a Bolt — anteriormente conhecida como Taxify — conta com mais de 30 milhões de utilizadores em em mais de 35 países, liderando o mercado na Europa e na África. A plataforma tem mais de um milhão de motoristas e está presente em cinco cidades portuguesas: Lisboa, Porto, Coimbra, Braga e Algarve.