De acordo com os especialistas no ranking das vendas de veículos eléctricos, o mercado europeu conheceu em Novembro o seu 3º melhor mês do ano, depois de Março e de Setembro. As vendas de modelos eléctricos a bateria (BEV) e híbridos plug-in (PHEV) atingiram no 11º mês do ano um total de 55.033 unidades, o que representa um crescimento de 44% face a 2018 e uma percentagem de 4,6% do total do mercado.

Analisando por segmentos, os BEV viram as suas vendas aumentarem 23%, representando agora 53% do total de veículos que se podem ligar à corrente para recarregar as baterias. Por outro lado, a procura por PHEV cresceu 80%, atingindo um total de 47% dos modelos com baterias recarregáveis.

Na fotogaleria dizemos-lhe com pormenor quem mais vendeu em Novembro e no acumulado do ano, entre os eléctricos a bateria. Mas vamos igualmente apontar os mais populares entre os PHEV, dado ser a esta a solução a que a generalidade dos fabricantes tem de recorrer para ficar abaixo dos limites de emissões impostos por Bruxelas. Contudo, dos 10 modelos mais vendidos, oito são eléctricos a bateria, enquanto apenas dois são PHEV.

8 fotos

Também o preço não parece ser determinante, uma vez que o modelo eléctrico mais procurado surge no ranking à frente de propostas mais baratas. Situação idêntica entre os PHEV, onde também o líder custa mais do que o segundo na tabela das vendas. Isto revela que nem o tamanho nem o preço são determinantes.