O Chelsea perdeu esta quarta-feira dois pontos em Brighton, ao ceder um empate a um golo frente à equipa local e a grande figura do jogo foi o seu guarda-redes, na 21.ª jornada da Liga inglesa de futebol.

O espanhol Kepa Arrizabalaga, pelo qual o Chelsea pagou 80 milhões de euros, tornando-o no guarda-redes mais caro de sempre, segurou o empate com três intervenções soberbas, que evitaram golos do Brighton.

O Chelsea, que cedo se adiantou no marcador pelo lateral-esquerdo espanhol Azpilicueta, aos 10 minutos, dominou os primeiros 20 minutos de cada uma das partes, mas a reação do Brighton, em cada uma delas, foi notável, colocando enorme pressão sobre a defesa londrina em busca do empate.

Quando este surgiu, aos 84 minutos, através de um grande golo do avançado iraniano Alireza Jahanbakhsh, a marcar de costas para a baliza num pontapé de bicicleta espetacular, após assistência, de cabeça, do seu colega, o central Lewis Dunk, já o Brighton tinha feito mais do que suficiente para o justificar.

Aliás, o resultado do jogo poderia ter ainda sofrido alteração para qualquer dos lados, já que Hudson-Odoi desperdiçou grande chance para repor a vantagem ao Chelsea, aos 86 minutos, e Kepa segurou o 1-1 ao minuto 89, com mais uma defesa sensacional.

No outro jogo que abriu a 21.ª jornada, o Aston Vila foi vencer ao terreno do Burnley, chegando ao intervalo já a vencer por 2-0, graças aos golos do brasileiro Wesley, aos 27 minutos, e do médio Jack Grealish, aos 42.

Na segunda parte, o Burnley conseguiu reduzir perto do final, aos 80 minutos, numa finalização de cabeça do avançado neo-zelandês Chris Wood, mas não chegou para evitar a derrota perante um Aston Villa que foi superior na maior parte do tempo de jogo.

Com estes resultados, o Chelsea pode ter-se atrasado no ataque ao terceiro lugar, ocupado pelo Manchester City, que hoje recebe o Everton, somando 36 pontos, menos cinco do que a equipa de Pep Guardiola, enquanto o Brighton subiu ao 13.º lugar, com 24 pontos, ultrapassando o Burnley, que é 14º, com os mesmos pontos.

O Aston Villa, com os três pontos hoje somados, é 16º, com 21 pontos, numa classificação liderada pelo Liverpool, com 55, mais 13 do que o segundo classificado, o Leicester.