"EUA vão sofrer consequências durante vários anos"

, por Agência Lusa