O espanhol Carlos Sainz (Mini) venceu terça-feira a terceira de 12 etapas do Rali Dakar de todo-o-terreno e ascendeu à liderança da classificação dos automóveis.

O piloto espanhol, vencedor em 2010 e 2018, demorou 3h48 e 1 segundo a cumprir os 477 quilómetros que compunham a especial, batendo o qatari Nasser Al-Attiyah (Toyota) por 3.31 minutos. O polaco Jakub Przygonski (Mini) foi o terceiro, a 4 minutos e 19 segundos.

Nota ainda para o quinto lugar do espanhol Fernando Alonso (Toyota), a 6.14 minutos do seu compatriota, e para o sétimo do francês Stéphane Peterhansel (Mini), navegado pelo português Paulo Fiúza, a 10.26.

Com estes resultados, Sainz é o novo líder, com 4.55 minutos de vantagem sobre Al-Attiyah e 8.09 minutos face ao anterior comandante, o argentino Orlando Terranova (Mini), que hoje foi apenas oitavo. Peterhansel é quinto, a 19 minutos do primeiro.

Na quarta-feira, disputa-se a quarta de 12 etapas, entre Neom e Al-Ula, com 672 quilómetros, 453 deles ao cronómetro.