A Sérvia, de Novak Djokovic, venceu este domingo a primeira edição da ATP Cup, a nova competição que reuniu na Austrália 24 seleções, ao derrotar na final a Espanha, de Rafael Nadal, por 2-1.

Os espanhóis entraram a ganhar com Roberto Bautista Agut a impor-se a Dusan Lajovic, no primeiro encontro de singulares, tendo os sérvios empatado no embate mais esperado da final que opôs Djokovic, segundo do ranking, a Nadal, número um mundial.

Novak Djokovic venceu pelos parciais de 6-2 e 7-6 (7-4), empurrando a decisão final para o encontro de pares, que Nadal recusou disputar invocando fadiga provocada pelos nove encontros disputados em oito dias.

Ao lado de Viktor Troicki, Djokovic venceu o encontro de pares, por 6-3 e 6-4, frente aos espanhóis Feliciano López e Pablo Carreño Busta, em uma hora e 16 minutos.