Uma fuga de gás obrigou à evacuação de 100 pessoas de uma escola, creche e berçário, em Mirandela, confirmou fonte dos bombeiros voluntários locais ao Observador. Uma criança de 15 anos foi hospitalizada devido à inalação de gás. As restantes crianças foram levadas para o posto da PSP.

O comandante dos Bombeiros de Mirandela, Edgar Trigo, confirmou ao Observador que a situação já está regularizada e que todas as crianças estão em segurança.

O jovem hospitalizado encontra-se fora de perigo e já recebeu alta médica.