No sopé das montanhas de Santa Mónica, Bel Air faz parte do triângulo platina de Los Angeles, juntamente com Beverly Hills e Holmby Hills, onde o preço das propriedades atinge valores astronómicos. E é precisamente no seu coração, no número 924 da Bel Air Road, que está localizada a casa ideal para os milionários instantâneos, aqueles que horas depois de colocar a mão na fortuna querem desde de logo passar a chamar seus a uma série de brinquedos que outros, com “dinheiro mais antigo”, levam anos a amealhar.

Denominada Billionaire Mansion, a vivenda em causa é, por assim dizer, tão grande quanto deslumbrante. Com 3530 metros quadrados, divididos por quatro andares, há espaço para tudo no seu interior e até no exterior, uma vez que no terraço há um heliporto. Justifica-se, pois ninguém gosta de perder tempo no trânsito quando tem uma forma de o evitar.

À área coberta há que somar os jardins e a imensa piscina, mas tudo isso perde valor quando se admira o recheio interior. E aqui estamos a referir-nos à garagem, que faz parte integrante da casa e promete mesmo ser das divisões mais visitadas. O motivo é simples e explica o preço elevado que o promotor imobiliário está a exigir por esta casa de sonho. É que além da arquitectura e todo o requinte e exclusividade, a Billionaire Mansion vem de série com uma colecção invejável de 12 carros de sonho (e motos também), avaliada em mais de 30 milhões de dólares.

No cardápio da garagem figuram necessariamente Ferrari, Lamborghini, Bentley e Rolls-Royce, surgindo também um Bugatti Veyron e um Pagani Huayra, ambos na fasquia acima dos 2 milhões de dólares. As maiores preciosidades guardadas na garagem são clássicas, a começar pelo belo Mercedes 540K de 1936, o Von Krieger Roadster, que só ele vale 15 milhões de dólares. Para ir às compras ou levar as crianças à escola, existe ainda um Ferrari 488 e um Rolls-Royce Dawn, que estão mais ao serviço das necessidades do dia-a-dia, mas que provavelmente serão conduzidos pelos empregados.

Para se divertir nas estradas montanhosas de Santa Mónica ou para passear junto ao mar, a mansão inclui também motos, umas clássicas e outras mais modernas. Basta despender de 150 milhões de dólares, com o promotor a afirmar suportar dois anos de salário dos sete empregados que “vão” com a mansão. Veja a galeria e aprecie os detalhes.