Um homem que tinha recebido ordem de despejo até ao fim deste mês terá alegadamente incendiado a casa onde vivia, em Braga, e fugido para parte incerta.

De acordo com o Jornal de Notícias, o indivíduo vivia no primeiro andar de uma casa com dois pisos na freguesia de Esporões, na cidade de Braga. Ao que tudo indica, terá ateado fogo à habitação na sequência de uma série de desavenças familiares com a inquilina do rés-do-chão.

Fonte da GNR contou que o homem, de 67 anos, terá incendiado a casa antes de fugir. Teria de abandonar a casa até ao fim de janeiro para que a mesma ficasse disponível para novo arrendamento.

O fogo deflagrou por volta das 6h30 da manhã desta quinta-feira, mobilizando 15 operacionais e três viaturas dos Sapadores e dos Voluntários de Braga.

A GNR tomou conta da ocorrência, tendo entretanto a investigação passado para a Polícia Judiciária, refere a Lusa.

Artigo atualizado às 11h56 com mais informações