Morreu esta quinta-feira John Jairo Velásquez Vásquez, o ex-líder dos sicários de Pablo Escobar conhecido como “Popeye”.

Segundo um comunicado das autoridades prisionais da Colômbia, Vásquez morreu na madrugada desta quinta-feira no Instituto Nacional de Oncologia da Colômbia, onde estava internado desde 31 de dezembro do ano passado com um cancro do estômago.

“Popeye” estava preso desde 25 de maio de 2018 por crimes de conspiração e extorsão — mas esta era apenas a sua condenação mais recente.

Responsável por 300 homicídios e 200 atentados com carros-bomba durante das décadas de 80 e 90, “Popeye” foi um dos principais sicários ao serviço do narcotraficante Pablo Escobar.

Foi preso em 1992 na sequência do assassinato do candidato presidencial colombiano Luis Carlos Galán, em 1989, tendo cumprido 22 anos de prisão.

Quando saiu, já em 2014, dedicou-se ao ativismo político e tinha um canal do YouTube com mais de um milhão de seguidores.